sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Volta às aulas - prevenção de doenças de verão



O ano letivo vai começar. Muitas crianças sofrem para abandonar hábitos cultivados durante as férias, como dormir tarde, não ter horários tão rígidos para fazer refeições e passar mais tempo em casa. É hora de retornar às salas de aula e retomar a rotina. O clima quente e semiúmido com a estação chuvosa e o fato de permanecerem em locais fechados pode proporcionar o aparecimento de algumas doenças. Por isso, pais e escolas devem ficar atentos a eventuais sinais que as crianças venham a apresentar.

No topo da lista das “doenças de verão”, está uma virose causada por um vírus conhecido como rotavírus, que geralmente ataca o sistema gastrointestinal e é capaz de causar diarreia e vômito. Além disso, há pediculose (piolhos), gripes, resfriados e conjuntivite. Elas surgem principalmente pelo contato mais próximo entre as crianças. Outro ponto importante é que o ar-condicionado ajuda a proliferar bactérias e fungos, por isso exige manutenção e limpeza constantes. Para auxiliar os pais a readaptar o cotidiano de seus filhos e proteger sua saúde, Redoxitos®, vitamina C em formato de gominha para crianças de 4 a 10 anos, listou algumas dicas:

- Manter as crianças hidratadas. Elas gastam muita energia, o que contribui para a perda de líquido e ressecamento das mucosas. Nem sempre elas pedem água ou dizem estar com sede, por isso, é importante oferecer com frequência.
- Utilizar toalhas úmidas, umidificadores caseiros ou bacias de água nos ambientes mais fechados.
- Evitar exercícios físicos entre as 10 e 16 horas. Neste período o sol é mais forte com risco aumentado de desidratação e queimaduras solares.
- Evitar locais fechados. Ambiente arejado, bem ventilado e limpo afasta os riscos de doenças respiratórias.
- Orientar as crianças sobre a importância da higienização constante das mãos, já que muitas vezes são condutoras de doenças.

A imunidade deve ser sempre fortalecida por meio de cuidados nos hábitos diários. Em especial, com uma dieta saudável e bem balanceada, ingestão de vitaminas, principalmente a C, uma rotina ativa com a prática de esportes, de preferência ao ar livre e ao manter as vacinas em dia. Com esses cuidados, dificilmente a criança necessitará de medicamentos ou de outros cuidados médicos para melhorar sua imunidade.


1 Comentário:

* Edméia * disse...


*Boa informação, DRI !!!

*Vou compartilhar !!!

*Um abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Links legais:

AMÉLIAS DE SALTO © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO